O que você sente pela sua mãe?


Os benefícios de nos harmonizarmos com a nossa mãe vai muito além do que nossos olhos podem enxergar. É inquestionável a sensação de paz que sentimos quando aceitamos a mãe que tivemos. A conciliação interior com ela também facilita na abertura do portal para fluxo do amor.

 

Gravei um vídeo sobre Mãe: Assista aqui!

 

Não importa se você recebeu os cuidados da sua mãe biológica ou não, certamente teve alguém que representou a figura materna na sua vida.

Nós, seres humanos, precisamos de um tanto de amor para sobreviver e certamente você recebeu os cuidados necessário para dar continuidade a sua jornada.

A sua mãe não te deve NADA! Ao mesmo tempo em que você não deve nada a sua mãe, pois o amor não gera boleto. O melhor que você pode entregar é a sua gratidão. Gratidão pela vida, gratidão pelos cuidados, gratidão por ela ter te gerado e gratidão por ela ter dado o que tinha naquele instante.

Até mesmo os filhos que não tiveram relação com a mãe biológica receberam tudo que ela poderia ter dado naquele momento, como, por exemplo, a passagem para esse planeta, permitindo que eles escolhessem a vida que quer ter agora.

Aceite esse amor que vive hoje em você.

Muitas pessoas têm sérios conflitos com a mãe, ou não conseguem sentir gratidão por terem histórias não prazerosas. Embora isso possa ter acontecido, sua mãe te deu algo que é irretribuível: A Vida!

Ela foi a sua primeira representação de feminino. O arquétipo feminino representa entrega, acolhimento e sutileza. Perceba como estão essas questões na sua vida.

Ela também foi o seu primeiro portal da estruturação de consciência que possibilitou o reconhecimento da sua identidade. Foi através dos olhos dela que você se percebeu como um indivíduo.

Eu realmente compreendo que existem muitas histórias que gostaríamos de apagar e modificar tantas outras, mas foi por meio delas que pudemos ser quem somos hoje. Honre a sua história e perceba o que em você tem afinidade com a sua mãe.

Quando perceber qual é a sua afinidade com a sua mãe, você poderá fazer novas escolhas. A autorresponsabilidade é uma ferramenta indispensável para o caminho da consciência. Nós não somos vítimas.

Abrace e acolha a sua história. Respeitar e agradecer de onde você veio te dará forças para trilhar novos caminhos.

 

Com amor, Regiane

www.regianeromero.com.br